sexta-feira, 29 de agosto de 2008

Um momento de indignação

O que me deixa mais triste na situação atual da nossa sociedade é o chamado jogo de interesses. As pessoas estão cada vez mais pensando em si mesmas preocupadas com seus umbigos e pouco se importam com o que acontece com quem está do lado (salvo raras excessões). Não vou dizer que eu sou um desses exemplos de pessoas, porque, convenhamos, sempre, de alguma forma, acabamos (ou eu acabo também) puxando o peixe para o nosso lado. Umas vezes sem prejuízo pra ninguém, outras vezes (aí não me encaixo) sem se importar com o que o outro vai penar em conseqüência daquilo.

APOIE A CAMPANHA NO CATARSE PARA PUBLICAÇÃO DE EM BUSCA DO REINADO!

Isso é muito perceptível nas campanhas políticas: os candidatos só faltam lamber o chão dos lugares onde as pessoas passam, mas depois de eleitos nem andam mais nas ruas para ver a necessidade dessas pessoas. Numa dessas ultimas semanas que passou, fui fazer uma matéria para o jornal laboratório da faculdade num bairro mais carente aqui de Joinville. Nossa! Como as pessoas, as famílias precisam de assistência! Como é claro que elas precisam de mais atenção! Mesmo assim, a escola não tem recursos nem para trocar uma fechadura se esta quebrar. O governo se gaba de construir escolas, mas de que adianta fazer um filho e não sustentar? Só anualmente o governo federal (e era uma escola municipal) repassa uma verba para a instituição se virar o ano todo. Aí falam em uma sociedade mais justa e balálá, balalá... eu me revolto com uma coisas dessas! Fui à Secretaria da Educação e me disseram que os pequenos reparos têm que vir com dinheiro da comunidade... mas como!? Se aquela comunidade mal tem dinheiro para pôr o que comer na mesa! É um absurdo uma coisa dessas! Eu tenho vergonha de dizer que Joinville tem um dos melhores modelos educacionais do estado, do país. Se isso for bom, imagina aí pra fora!
Afora a educação, os governos, percebemos as empresas cada vez mais injustas tanto com seus funcionários quanto com seus clientes. É aquela coisa da individualidade. Essa individualidade, acredito eu, é como um bumerangue: uma hora vai voltar e acertar a cara de quem jogou. Enquanto não pensarmos no bem comum, nós nunca vamos ter a nossa vida tranqüila. O problema é que ninguém se tocou disso ainda. Seja onde for, mas justiça tem que ser feita com todas essas pessoas responsáveis por tanta miséria, tanto sofrimento e tanta falta de oportunidade nesse mundo afora.

APOIE A CAMPANHA NO CATARSE PARA PUBLICAÇÃO DE EM BUSCA DO REINADO!

38 comentários:

Super Nada disse...

"Enquanto não pensarmos no bem comum, nós nunca vamos ter a nossa vida tranqüila. O problema é que ninguém se tocou disso ainda."

Sim, alguém já se tocou sim. E deram a isso o nome de socialismo, só que devido a alguns problemas internos do homem, isso nunca vai dar certo.

Cara, acho que as pessoas estão aprendendo com seus erros. Num passado não muito distante, nós homens, vivamos em bandos assim como os animais, e como eles, nos preocupavamos com os demais do bando. A evolução nos fez ver que não vale apena se preocupar com o próximo como se fosse com nós mesmo. Mas concordo com você quando o assunto é prejudicar os outros, porque não tem nada pior que você prejudicar alguém, só porque você quer o mesmo que ele. Dá para competir sem prejudicar.

Desarranjo Sintético disse...

Olá!
Achei seu blog nos comentários do Breno do blog "Super Nada".
Gostei do blog. Quanto ao post eu também fico abismado com essa era do "egocentrismo", as pessoas só pensam nelas mesmas, nelas e hãnn NELAS. E além de egocêntricas existem as egoístas que pisam por cima dos outros para conseguirem o que querem, essas não deveriam existir...Fico com medo até de pensar em dar uma volta nas vilas aqui da minha cidade, porque a situação deve ser realmente triste e não só aqui como em todo lugar. É óbvio que educação é o primeiro passo, todo mundo diz, todo mundo fala que sabe mas na hora das eleições ninguém é capaz de fazer uma "massa" e todos juntos votarem NULO por uma causa comum, para verrem que não somos bobos, para verem que queremos mais educação para a maioria do povo poder exigir seus direitos, mas isso que os políticos não querem, manipular gente burra é fácil, influenciar via mídia é moleza, então para que mais educação? Saúde? Que morram os idosos para pagarem menos aposentadorias, e os jovens que no futuro poderiam ser capazes de fazer uma revolução. Segurança? Só para si mesmo, deixem o capitalismo tomar conta de tudo, quem tem dinheiro pague previdência e planos de saúde (nem sempre bons) pagos, quem não tem...dane-se. Eles (os políticos) só falam e falam, eu já desisti, só votarei se achar alguém realmente interessante, senão é NULOOO! E outra, porque ser obrigatório o voto? Isso é um direito conquistado, não um dever...deveria ser como nos outros países, mas eles sabem que daí ninguém votaria e isso botaria a pechincha e a vida boa deles acabar ou diminuir, e isso eles não querem, parece a verdadeira teoria da conspiração...ehehhe.

Abraços.

Fábio!

Mary West disse...

Olho por olho e dente por dente virou lei. Nem animais somos mais, viramos seres roboticos mesmo.

Camila Colossi disse...

vc tem razao dessa realidade neh =/


;*
posteei xd

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.